BWF AGORA ENGLOBA O PARABADMINTON

"One Sport - One Team" ("Um Esporte - Um Time"). Com esse slogan, a BWF está anunciando a fusão com a PBWF. Agora, badminton e parabadminton estão sob a gestão da BWF. Em assembleia no último dia 03 de junho, em Dortmund, Alemanha, a PBWF (Parabadminton World Federation) decidiu por unanimidade a dissolução da própria entidade e sua união com a BWF (Badminton World Federation). Em 28 de maio, a BWF já havia decidido, em assembleia em Qingdao, China, por mudanças estruturais em seu estatuto para permitir a integração do parabadminton em sua estrutura de governança e gestão. Foi criado o cargo de Vice Presidente de Relações Paraolímpicas (já havia o cargo de Vice Presidente de Relações Olímpicas), para o qual foi nomeado Paul Kurzo, e a BWF já é reconhecida pelo Comitê Paraolímpico Internacional. Com a mudança, a BWF passa a ser responsável: - Pela governança do parabadminton; - Pela gestão diária do parabadminton; - Pelo desenvolvimento do parabadminton em nome da comunidade mundial de atletas de badminton portadores de deficiência. Esta decisão foi fruto de um trabalho de dois anos entre ambas as organizações com o objetivo de integrar o parabadminton na estrutura da BWF. Em reuniões recentes, a BWF reafirmou seu compromisso de trabalhar para a gestão e desenvolvimento do parabadminton, com o objetivo de incluir a modalidade nos Jogos Paraolímpicos de 2020. O brasileiro Létisson Samarone, Diretor de Parabadminton da CBBd, participou da assembleia na Alemanha e tem trabalhado para o desenvolvimento da modalidade no Brasil.

17 de junho de 2011


 


 
www.febapb.com.br - Copyright 2007 - Todos os direitos reservados
produzido por Filipe Garnier